quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

Running Wild - Port Royal - 1988


Tracklist:
1. Intro - 0:50
2. Port Royal - 4:12
3. Raging Fire - 3:28
4. Into the Arena - 3:59
5. Uaschitschun - 04:53
6. Final Gates - 3:00
7. Conquistadores - 4:50
8. Blown to Kingdom Come - 3:19
9. Warchild - 3:01
10. Mutiny - 4:28
11. Calico Jack - 8:15

Se hoje existe o termo "Pirate Metal" tudo se deve a esses caras, foram eles os pioneiros a incorporar o tema de piratas no heavy metal, e se você acompanhar as letras da pra notar que eles manjam e muito do assunto, pra quem não conhece o Running Wild foi formado na Alemanha em 1976, ainda com o nome de Granite Heart, fundada pelo vocalista/guitarrista Rolf Kasparek também conhecido como Rock n' Rolf, que está na banda desde o início, o Running Wild também é um dos pioneiros do Heavy Metal na Alemanha, tendo inspirado várias outras bandas do país como o Helloween por exemplo.
Port Royal , não é o primeiro disco que a banda utiliza a temática pirata em suas músicas, esse é o quarto disco da banda e o segundo com essa temática. A banda havia acabado de lançar o disco Under Jolly Roger que era o maio clássico da banda até então, e muitos acreditaram que dificilmente eles iriam lançar algo tão bom ou melhor, porém Port Royal veio pra consolidar o Running Wild como um dos gigantes do metal naquela época, tanto que esse disco disputou pau a pau com o Seventh Son Of A Seventh Son do Iron Maiden nos discos de Heavy Metal de maior sucesso daquela época. Outro fato de que fez algumas pessoas acreditarem que a banda não lançaria um trabalho tão bom quanto o Under Jolly Roger, é que acabava de entrar dois novos integrantes na banda, o baixista Jens Becker e o baterista
Stefan Schwarzmann que mais tarde logo no início da turnê do álbum , saiu da banda, tanto que no clipe de Conquistadores ele não aparece, e sim o novo baterista da banda Iain Finlay.
Port Royal tem tudo que um fã de Heavy Metal oitentista gosta, riffs rápidos, solos arrebatadores, e isso tudo aliado a muita cultura, já que as letras também se destacam pelo grande conhecimento não só na temática dos piratas ,como também em História em geral, ou seja vale muito a pena ouvir.




LINK NOS COMENTÁRIOS

5 comentários:

  1. MEDIAFIRE:

    http://nkksxx.link-protector.com


    4SHARED:

    http://nkksxw.link-protector.com


    PUTLOCKER:

    http://nkksxv.link-protector.com

    ResponderExcluir
  2. Legal o Blog, mas faz uma revisão no texto ai fera, abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi mal pelos erros de português cara, nem tinha notado kkkk , enfim valeu pelo comentário e por avisar!

      Excluir
  3. Fala, cara!

    Bom ver valorização da minha banda favorita pela net, em conteúdo de língua portuguesa. Mas tem q ter certos cuidados ao passar informações. Observe o wikipedia sobre o Running Wild, que foi escrito por mim mesmo. Tem mais conteúdo lá que nos demais idiomas. Um toque que dou, por exemplo, é que o primeiro álbum da banda a entrar na temática pirata foi o "Under Jolly Roger", onde Jolly Roger seria como os piratas chamavam as bandeiras piratas em suas épocas. Sem falar que outras bandas gravaram sobre pirataria no meio do metal antes, mas o Running Wild adotou como tema principal dos álbuns que viriam para frente.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então cara, mas no post eu digo exatamente isso, que esse não é o primeiro a usar a temática pirata, mas muito obrigado pelo comentário!

      Excluir

Depois de fazer o download,diga-nos oque achou,deixe seu comentário,todos os comentários serão respondidos.